Quem Somos

FESTCRUA

Bairro de Rio Doce, em Olinda, recebe quarta edição do Festival de Cultura de Rua

 

A cidade de Olinda recebe, pela primeira vez, uma edição do Festcrua – Festival de Cultura de Rua. O evento ocorre no dia 19 de novembro, domingo, na Vila Olímpica do bairro de Rio Doce, das 10h às 19h. A programação terá atrações culturais e esportivas, e é composta por feira de economia solidária, oficinas (graffiti, basquete de rua, origami, breaking), apresentações de dança (swingueira, dancehall, popping), mutirão de grafitagem e atividades de skate, bike, natação e slackline, além de pocket shows de rap e brega.

O festival busca estimular práticas coletivas por meio das artes e esportes, despertar novos desejos e ações construtivas, fortalecer a unidade das comunidades e identificar novas tendências nos locais onde ele é realizado.

Nas suas caminhadas por favelas, vilas e periferias, o criador e realizador do Festcrua, Cesar Andres Cronenbold, percebeu que a cultura de rua fervilhava em cada esquina por onde passava. “Isso me despertou a vontade de unir, celebrar tudo num só lugar, despertando e fortalecendo laços de fraternidade e cidadania nas pessoas que se sentem representadas nesses segmentos socioculturais e esportivos”, expõe.

A primeira edição do Festcrua foi realizada na cidade de Ipojuca, em 2011. Dois anos depois, em Porto de Galinhas. A terceira ocorreu no Recife, em 2015, e reuniu um grande público no Parque Santana, bairro de Casa Forte.

Segundo Cronenbold, a escolha de Olinda se deu por conta da sua multiplicidade de manifestações culturais, muitas das quais concentradas em dois polos do município: a Cidade Alta e a praia. “Com a escolha de Rio Doce, acrescentamos mais uma boa alternativa de diversão e integração para os moradores do entorno”.

De acordo com Cesar, a intenção é fazer com que a periferia receba atrações e/ou atividades com mais frequência e, principalmente, com os usos e costumes dessas regiões. O Festcrua foi criado para acontecer sempre em lugares de concentração popular, com espaços destinados à prática que tenham o espaço para a prática de varias atividades culturais e esportivas.

O Festcrua é realizado sempre aos domingos e em novembro, mês que marca o Dia da Favela (4) e o Dia da Consciência Negra (20). Pessoas de todas as idades podem se engajar em qualquer uma das atividades oferecidas durante as dez horas do evento. Atividades paralelas que estimulem a cultura e o esporte de rua, produzidas por organizações e coletivos, são incentivadas e bem-vindas